Hoje, aqui no Brasil com S, a gente fala sobre a Pamonha.

A Pamonha é um prato típico brasileiro, feito de milho verde. Não se sabe exatamente o seu local de origem, mas é um prato muito consumido na região nordeste e centro-oeste e, também, no sudeste do Brasil.

Pamonha é um dos quitutes de milho mais conhecidos em todo Brasil | Foto: sabornamesa.com.br

O milho tem origem nas Américas e foi a base da alimentação de todas as populações indígenas, presente em todas as culturas e civilizações – dos Incas aos Maias, dos povos originários Americanos aos Tupis.

O nome “pamonha” vem da palavra tupi pa’muña, que significa “pegajoso”. O milho, cereal muito usado nas tribos tupis, era consumido em forma de mingau, assado, cozido ou no cauim, um tipo de bebida fermentada. 

Já a pamonha indígena, era um bolo mais grosso de milho ou arroz envolvido em folhas de bananeira. As pamonhas eram submetidas a cozimento ou banho-maria, e sua massa alcançava uma consistência firme e macia. Com a colonização das Américas, os portugueses e africanos foram adaptando e produzindo outras receitas.

A forma de preparo mais comum da pamonha, comum a várias receitas, é a seguinte:

  • O milho verde é ralado;
  • A massa resultante é misturada com leite (ou leite de coco), sal (ou açúcar) e manteiga;
  • Canela e erva-doce são adicionados, a depender da região do Brasil em que ela é preparada;
  • Esta massa é colocada em tubos feitos com a própria casca do milho ou com folha de bananeira, atados nas extremidades. 

Tipicamente brasileira, a pamonha é hoje exportada para países no mundo inteiro, que podem desfrutar de seu sabor inconfundível e delicioso.

Leia também:

BRASIL COM S – Paçoca Doce

BRASIL COM S – Coxinha

BRASIL COM S – Sacolé