A semana de 27 de junho a 03 de julho é recheada de aniversariantes especiais na MPB! 

Além de Raul Seixas, Marisa Monte e Alceu Valença, que ganharam matérias completas aqui no nosso site, trouxemos mais alguns nomes incríveis da música popular brasileira que completam anos esta semana, um a cada dia!

Confira aqui a primeira parte desse drops com os aniversariantes homenageados da semana!

E vamos lá para a segunda parte dos nossos homenageados da semana:

 

01 de julho – Wanda Sá

Nascida em São Paulo, em 1º de julho de 1944, a cantora, compositora e violonista Wanda Sá tem uma imensa importância para a música popular brasileira, sendo um dos expoentes da Bossa Nova no país. 

Mudou-se para o Rio de Janeiro com um mês de vida e, ainda criança, começou a estudar balé e violão. Foi aluna de Roberto Menescal e, em 1962 – com apenas 18 anos – já era professora de violão da escola de música mantida por Menescal e Carlos Lyra, em Copacabana.

Iniciou a carreira artística em 1962, quando participou junto com Tom Jobim, Sérgio Mendes e o conjunto Bossa Rio, do programa de televisão Dois no Balanço, sob a direção de Luiz Carlos Miele e Ronaldo Bôscoli, na TV Excelsior. Em 1964, lançou o seu primeiro disco: Wanda Vagamente, produzido por Roberto Menescal e em que constavam também as primeiras composições de Edu Lobo (com quem foi casada), Francis Hime, Marcos Valle e Nelson Motta.

Em seguida, mudou-se para os Estados Unidos, onde fez parte do conjunto musical Brasil 65, de Sérgio Mendes, com o qual excursionou pela América. Depois disso, gravou mais de 20 discos, entre eles, parcerias com Menescal, Marcos Valle, Miele e João Donato, e homenagens a Tom Jobim e Vinicius de Moraes.

02 de julho – Gabriela Melim

Gabriela de Paula Pontes Melim, mais conhecida como Gabi Melim, é cantora, compositora, cavaquinista e integrante – junto com seus irmãos Rodrigo e Diogo, da banda Melim, formada em 2015.

Nascida em Niterói, no Rio de Janeiro, em 02 de julho de 1994, Gabi Melim começou sua carreira na música aos 15 anos de idade, lançando seu primeiro disco com canções de samba. Ela chegou a fazer shows em outros países, em locais como República Checa, África do Sul e Miami, antes de formar a banda com os irmãos.

Em 2016, o trio participou da terceira temporada do reality show musical Superstar, da TV Globo, e terminou a competição como semifinalista. No ano seguinte, eles assinaram um contrato com a Universal Music e, em 2018, lançaram seu primeiro álbum. Depois disso, lançaram mais dois discos ao vivo e dois EPs. O segundo álbum de estúdio, Deixa Vir do Coração, saiu em 2021. 

Entre os principais sucessos do Melim estão os hits Meu Abrigo, Ouvi Dizer, Peça Felicidade, Dois Corações e Gelo.

3 de julho – Silva

O cantor, compositor e multi-instrumentista Lúcio Silva de Souza, o Silva, nasceu em Vitória – ES, em 3 de julho de 1988.

Sua carreira começou em 2012, quando soltou na web um EP, chamado 2012, com seis composições suas e de seu irmão, Lucas Silva. O som era tão qualificado e diferente, que logo gerou repercussão na web, todo mundo começou a comentar sobre um tal projeto musical chamado Silva. O alcance de seu trabalho foi aumentando e o cantor realizou o segundo show de sua carreira no Sónar SP, festival de música para mais de 30 mil pessoas.

Com a grande visibilidade que ganhou, Silva somou mais seis faixas inéditas (também suas e de seu irmão) com as já lançadas no EP, formando então um álbum completo, lançado ainda em 2012: Claridão, focado no indie pop. Em 2014, lançou seu segundo disco, Vista pro Mar, que teve como convidada a cantora Fernanda Takai na faixa Okinawa, e – no ano seguinte – a versão ao vivo do álbum teve participação de Lulu Santos, na faixa Noite.

Seu terceiro álbum de estúdio, Júpiter, trouxe os sucessos Eu Sempre Quis, Feliz e Ponto e Sufoco, todas parcerias com o irmão. No ano seguinte, com seu trabalho já mais voltado para a MPB, lança o álbum Silva Canta Marisa, com releituras de canções de Marisa Monte e uma música inédita, Noturna (Nada de Novo na Noite), em parceria e com a participação da musa. 

Em seguida vieram outros discos e parcerias, que trouxeram entre eles os hits A Cor é Rosa e Fica Tudo Bem (ambas parcerias com Lucas Silva e a última com participação de Anitta). No álbum Bloco do Silva (Ao Vivo), o artista traz regravações de clássicos do axé e do frevo. 

 

Ver essa foto no Instagram

 

Uma publicação compartilhada por Silva (@silva)

Parabéns aniversariantes!