Hoje é aniversário de um dos maiores nomes da música popular brasileira: o grande Toquinho!

Violonista dos melhores que este mundo já viu, cantor e compositor altamente sensível, Toquinho, com 55 anos de carreira, tem mais 90 discos lançados e mais de 500 composições, sendo um dos artistas mais produtivos e que mais contribuiu para a história da nossa MPB.

O paulistano Antônio Pecci Filho (seu nome completo, o apelido Toquinho veio na infância, por conta da sua baixa estatura) traz em sua obra – ao mesmo tempo – simplicidade e sofisticação, e mescla influências populares e eruditas de forma brilhante.

Um de seus maiores parceiros e amigo de uma vida é Vinicius de Moraes. O encontro com o poeta aconteceu quando Toquinho tinha menos de 25 anos e já era um dos maiores violonistas e compositores do Brasil. Juntos, formam uma das mais produtivas parcerias da música brasileira: mais de 20 LPs, mais de 100 composições e mais de mil shows. Entre os maiores sucessos da dupla estão os clássicos: Tarde em Itapõa, A Tonga da Mironga do Kabuletê, Regra Três, Samba da Rosa, Sei Lá (A Vida Tem Sempre Razão), O Bem Amado e Aquarela. Essa última, é uma das canções mais importantes da MPB e responsável por transformar Toquinho em um sucesso também internacional.

Além de Aquarela, a dupla compôs – com enorme sensibilidade para o público infantil – o clássico O Pato (baseado em um poema de Vinicius). Outras canções do cantor, especialmente para as crianças, são: O Caderno, A Bailarina (de Toquinho com o baterista e compositor Mutinho) e Herdeiros do Futuro.

Outras parcerias importantes são com Jorge Ben Jor, em Que Maravilha e Carolina Carol Bela; e com Chico Buarque, em Samba de Orly e Samba para Vinicius.

Viva, Toquinho!

Gêneros musicais das canções do cantor e compositor Toquinho, vem conferir