Ouça ao vivo
No ar agora

#4 ForasDeSérie | Carolina Maria de Jesus: 10 curiosidades sobre a escritora e cantora brasileira

F.Content
12:00 01.09.2023
Arte e cultura

#4 ForasDeSérie | Carolina Maria de Jesus: 10 curiosidades sobre a escritora e cantora brasileira

Carolina Maria de Jesus foi um dos nomes mais importantes da literatura brasileira, sendo uma das primeiras escritoras negras brasileiras. A autora deixou sua marca por meio das palavras que retratavam as experiências nas favelas, como uma mulher negra e pobre.  Nascida em 1914, em Minas Gerais, Brasil, Carolina tem uma origem dura e enfrentou … Continued

F.Content - 01.09.2023 - 12:00
#4 ForasDeSérie | Carolina Maria de Jesus: 10 curiosidades sobre a escritora e cantora brasileira
Conheça 10 curiosidades sobre Carolina Maria de Jesus. | Foto: Reprodução/ Acervo da Fundação Biblioteca Nacional - Brasil.

Carolina Maria de Jesus foi um dos nomes mais importantes da literatura brasileira, sendo uma das primeiras escritoras negras brasileiras. A autora deixou sua marca por meio das palavras que retratavam as experiências nas favelas, como uma mulher negra e pobre. 

Nascida em 1914, em Minas Gerais, Brasil, Carolina tem uma origem dura e enfrentou a pobreza desde cedo. Do anonimato ao reconhecimento mundial, ela tornou-se uma das vozes mais influentes da literatura marginal. Sua primeira obra e também mais famosa, Quarto de Despejo: Diário de uma Favelada, oferece uma visão única sobre a vida nas favelas de São Paulo e nos traz ensinamentos atemporais. 

A escritora, que é muito relevante para a literatura, música e cultura brasileira, não podia ficar de fora do Foras de Série, série de matérias que homenageiam grandes personalidades brasileiras, e nos episódios anteriores já contamos diversos detalhes sobre sua história e trajetória. Dessa vez, separamos 10 curiosidades sobre Carolina Maria de Jesus que você precisa saber! 

carolina maria de jesus - curiosidades
Conheça 10 curiosidades sobre Carolina Maria de Jesus. | Foto: Reprodução/ Acervo da Fundação Biblioteca Nacional – Brasil.

Saiba 10 curiosidades sobre Carolina Maria de Jesus

Confira a seguir 10 curiosidades sobre Carolina Maria de Jesus: 

1. Família de Carolina Maria de Jesus

Carolina Maria de Jesus veio de uma família pobre e enfrentou desafios desde muito cedo pela falta de estrutura familiar na qual cresceu. Neta de escravos, sua mãe era analfabeta e a criou, enquanto seu pai, boêmio, nunca a assumiu. Abandonada pelo pai e tendo que lidar com os desafios da pobreza, passou a maior parte de sua vida vivendo em favelas, onde as condições eram extremamente precárias.

2. Alfabetização

Apesar de sua origem humilde e da falta de educação formal, Carolina era autodidata e era visível que tinha um talento acima da média. A escritora teve contato com a educação apenas por pouco tempo na infância, cursando a primeira e segunda série, e grande parte do que aprendeu foi sozinha. Na época em que estudou, ela foi ajudada por uma freguesa de sua mãe, que era lavadeira. 

3. O contato com a escrita

Carolina era catadora de papel e começou a registrar suas experiências em diários que encontrava no lixo. Suas anotações registradas evoluíram para um diário que documentava a luta diária e a resiliência das pessoas nas favelas.

4. Mãe de 3 filhos

Além de ter lidado com problemas familiares na infância, Carolina também foi mãe de três filhos de pais diferentes. A escritora foi abandonada pelos pais de todos os filhos e, junto aos diversos outros desafios que enfrentava, precisou lidar com a maternidade sozinha, sustentando os seus filhos como catadora de papel por boa parte da vida. 

5. O contato com o jornalista Audálio Dantas

O jornalista da Folha da Manhã, Audálio Dantas, ficou responsável por produzir uma matéria sobre a favela de Canindé, em São Paulo, onde Carolina vivia. O jornalista viu potencial na escritora e, além de contar sua história, também a ajudou a publicar seu primeiro livro. “A história da favela que eu buscava estava escrita em uns 20 cadernos encardidos que Carolina guardava em seu barraco. Li, e logo vi: repórter nenhum, escritor nenhum poderia escrever melhor aquela história – a visão de dentro da favela”, narrou o jornalista. 

6. O primeiro livro: Quarto de Despejo: Diário de uma Favelada

Quarto de Despejo: Diário de uma Favelada foi o primeiro livro de Carolina Maria de Jesus, publicado em 1960. O livro é uma das obras mais emblemáticas da autora e conta com uma linguagem direta e crua, compartilhando seus pensamentos, observações e críticas à sociedade. A obra se tornou um best-seller internacional e foi traduzida para diversos idiomas.

7. Comprou sua primeira casa fora da favela

Após o lançamento de seu primeiro livro, em 1960, Carolina conquistou reconhecimento não só em solo nacional, como também internacional. Assim, ela ganhou dinheiro e conseguiu comprar uma casa fora da favela. Com a nova realidade, ela não deixou de escrever sobre as vivências, o que rendeu o seu segundo livro Casa de Alvenaria, publicado um ano depois, em 1961. 

8. Mistura de gêneros literários

Além de seu diário, Carolina também escreveu poesia, contos e peças teatrais. Sua diversidade de estilos literários mostra sua versatilidade como escritora. Além disso, apesar de ser mais conhecida pelos seus livros, ela também foi cantora e lançou músicas como: Rá, Ré, Ri, Ró, Rua; Acende o Fogo; O Pobre e o Rico e muito mais.  

9. Uma das pioneiras da literatura brasileira negra

Carolina Maria de Jesus se destacou como uma das pioneiras da literatura negra e feminista no Brasil. Sua luta por reconhecimento e igualdade ecoa nas vozes contemporâneas que continuam a abordar questões sociais como a pobreza, machismo, racismo, etc. 

10. Enfrentou críticas

Apesar de ter conquistado reconhecimento a nível nacional e internacional, Carolina também precisou enfrentar críticas. Na época, ela foi criticada por seu estilo não convencional de escrita e por abordar temas considerados incômodos em uma sociedade que pouco debatia sobre as injustiças sociais. Essas críticas não impediram de continuar a escrever suas obras que trazem críticas válidas até os dias de hoje. 

Carolina expôs as desigualdades sociais, o racismo e a injustiça que cercavam e ainda cercam a sociedade brasileira, tornando-se uma voz poderosa para os marginalizados. Dessa forma, ela deixou um legado duradouro na literatura e na sociedade brasileira. Sua obra inspirou gerações posteriores de escritores a abordar questões sociais e dar voz aos marginalizados. Sua coragem e visão crítica continuam a inspirar aqueles que buscam mudança e justiça.

A vida e obra de Carolina Maria de Jesus representam uma jornada de superação, força e luta contra as adversidades. Ela desafiou as normas literárias e sociais de sua época, reivindicando seu espaço como uma voz autônoma e inegável, e seu legado continua a ressoar nos corações que buscam compreender e transformar o mundo ao seu redor.

Gostou de conhecer essas 10 curiosidades sobre a escritora e cantora brasileira?! Não esqueça de conferir os outros episódios do Foras de Série sobre Carolina Maria de Jesus! Para mais conteúdos como esse, fique ligado na Novabrasil

Tags relacionadas

artistas marcantes da mpb artistas mpb brasilidade cantoras mpb cantores mpb Carolina Maria de Jesus Carolina Maria de Jesus curiosidades Especiais fora de série fora de série mpb
< Notícia Anterior

Setembro Amarelo: entenda a importância da campanha

01.09.2023 09:30
Setembro Amarelo: entenda a importância da campanha
Próxima Notícia >

‘The Town’ contará com vários nomes da música brasileira

01.09.2023 15:00
‘The Town’ contará com vários nomes da música brasileira
© 2024 - novabrasil - Todos os direitos reservados
Com inteligência e tecnologia: PYXYS - Reinventing Media Business