Ouça ao vivo
Ouça ao vivo
No ar agora

Daniel Nunes: “As iniciativas de turismo responsável premiadas em 2024”

Viagem Consciente com Daniel Nunes
19:18 08.05.2024
Autor

Viagem Consciente com Daniel Nunes

Jornalista e viajante
Jornalismo

Daniel Nunes: “As iniciativas de turismo responsável premiadas em 2024”

Projeto Grande Reserva Mata Atlântica levou a Medalha de Ouro na categoria “Melhores iniciativas de trabalho em rede para promover o turismo responsável nos destinos”

Novabrasil - 08.05.2024 - 19:18
Daniel Nunes: “As iniciativas de turismo responsável premiadas em 2024”
Projeto Grande Reserva Mata Atlântica levou a Medalha de Ouro na categoria “Melhores iniciativas de trabalho em rede para promover o turismo responsável nos destinos”

As experiências de viagem no Brasil que se destacaram no Prêmio Latino-americano de Turismo Responsável são o tema da minha coluna Viagem Consciente.

Trago algumas iniciativas no universo das viagens no Brasil que acabam de ser vencedoras do 4º Prêmio de Turismo Responsável da WTM Latin America.

A principal feira do segmento no continente aconteceu na última semana em São Paulo. E estas iniciativas podem servir como inspiração de viagem para os praticantes do turismo consciente, aquelas jornadas de mínimo impacto tanto na natureza quanto na rotina dos moradores dos lugares para onde a gente viaja.

Um projeto chamado Grande Reserva Mata Atlântica levou a Medalha de Ouro na categoria “Melhores iniciativas de trabalho em rede para promover o turismo responsável nos destinos”.

Basicamente essa é uma força-tarefa de voluntários dos estados de São Paulo, Paraná e Santa Catarina para promoverem juntos o turismo de natureza na região que é a maior remanescente de Mata Atlântica do mundo.

A ideia é que o que resta de Mata Atlântica no país seja visto como um destino – do mesmo jeito que a gente pensa Amazônia e Pantanal como lugares pra onde a gente quer viajar.

No Instagram @grandereservamataatlantica dá pra conhecer os passeios oferecidos pelos 700 membros de 60 municípios – entre ações de turismo comunitário, empresas, órgãos públicos, ONGs e pesquisadores da academia.

Outro trabalho que brilhou entre os 158 candidatos do Prêmio de Turismo Responsável foi o passeio de manguezal do Parque Nacional de Jericoacoara, no Ceará, desenvolvido em parceria com o ICMBIO (@icmbio), o Instituto Chico Mendes.

Esse é um tour lindo, em que o turista sai da praia para navegar em canoas conduzidas pela comunidade que vive no entorno do manguezal. E no passeio o viajante consciente aprende com os nativos a observar os cavalos-marinhos, as garças, os caranguejos, os lagartos.

Este projeto em Jeri ganhou Medalha de Bronze entre as “Melhores iniciativas para a conservação da biodiversidade”.

O Brasil foi o país mais premiado do Prêmio da WTM Latin America: ficou com 6 das 22 medalhas distribuídas a representantes de 10 países latinos.

Entre os outros destaques nacionais foram premiados o Tour na Favela Santa Marta, no Rio de Janeiro, terceiro lugar entre as “Melhores iniciativas para promover o impacto socioeconômico e a construção da paz através do turismo”.

A Rota da Liberdade (@rotadaliberdade_br), linda iniciativa de afroturismo da Solange Barbosa, ficou em terceiro lugar entre as “Melhores iniciativas para o turismo em comunidades tradicionais”.

Ganhou bronze entre a “Melhores iniciativas para promover a diversidade, equidade e a inclusão no turismo” o Grupo Cataratas (@grupo.cataratas), que faz gestão do turismo em vários parques e atrações do Brasil, como as Cataratas do Iguaçu.

E o Grupo Tauá (@tauaresorts) de Hotéis e Resorts Melhores levou medalha de prata na categoria “Iniciativas para a mitigação das mudanças climáticas” por seu Programa de Descarbonização, que reduz o impacto ambiental fazendo redução e compensação das emissões de gases de efeito estufa.

Confira a lista completa dos premiados de 2024 pela WTM LATIN AMERICA:

Melhores iniciativas para a conservação da biodiversidade

Gold – Asociación de Guias de Turismo Comunitario Explorando el Valle (Guatemala)
Silver – Fundación Agua y Tierra (Panamá)
Bronze – Raniforest Expeditions (Peru)
Bronze – Parque Nacional de Jericoacoara, Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (Brasil)

Melhores iniciativas para promover a diversidade, equidade e a inclusão no turismo

Gold – Mama Uma Travel (Equador)
Silver – Mujeres a la Cumbre (Chile)
Silver – San Luis Capital – Dirección de Turismo Municipal de SLP (México)
Bronze – Grupo Cataratas (Brasil)

Melhores iniciativas para promover o impacto socioeconômico e a construção da paz através do turismo

Gold – Apata Colombia (Colômbia)
Gold – Impulse Travel (Colômbia)
Silver – Manakin Nature Tours (Colômbia)
Bronze – Favela Santa Marta Tour (Brasil)

Melhores iniciativas de trabalho em rede para promover o turismo responsável nos destinos

Gold – Grande Reserva Mata Atlântica (Brasil)
Silver – Travolution International (Colômbia)
Bronze – Camino del Mayab (México)

Melhores iniciativas para o turismo indígena e/ou Comunidades Tradicionais

Gold – Budi Lafken Mapu (Chile)
Silver – Instituto Superior Indígena Raúl Karai Correa (Argentina)
Silver – Guyana Tourism Authority (Guiana)
Bronze – Rutas Ancestrales Araucarias (Chile)
Bronze – Rota da Liberdade (Brasil)

Melhores iniciativas para a mitigação das mudanças climáticas

Gold – Say Hueque Argentina Journeys (Argentina)
Silver – Programa de Descarbonização do Grupo Tauá de Hotéis e Resorts (Brasil)

< Notícia Anterior

Diego Amorim: "O que aprenderemos com a tragédia no Rio Grande do Sul"?

08.05.2024 17:25
Diego Amorim: "O que aprenderemos com a tragédia no Rio Grande do Sul"?
Próxima Notícia >

Ambev interrompe fabricação de cerveja para produzir água ao RS

08.05.2024 19:55
Ambev interrompe fabricação de cerveja para produzir água ao RS
colunista

Viagem Consciente com Daniel Nunes

Jornalista e viajante

Suas redes

© 2024 - novabrasil - Todos os direitos reservados
Com inteligência e tecnologia: PYXYS - Reinventing Media Business