A parceria de Gal Costa e Rubel é uma verdadeira representação do encontro de gerações da MPB.

A cantora e compositora baiana, que iniciou a carreira na década de 60, foi eleita, em 2012, a sétima maior voz do Brasil pela revista Rolling Stone.

Já Rubel, cantor e compositor nascido no Rio de Janeiro, representa a nova geração do MPB.Seu primeiro álbum, Casas (2018), foi considerado o 20° melhor álbum brasileiro pela revista Rolling Stone, em 2018.

Os artistas se encontraram em uma parceria das canções Baby e Coração Vagabundo, uma releitura das obras de Caetano Veloso. A seguir, saiba mais sobre a parceria de Gal Costa e Rubel.

Gal Costa e Rubel representam o encontro de gerações da MPB
Gal Costa e Rubel representam o encontro de gerações da MPB. | Foto: Reprodução/Instagram.

Parceria de Gal Costa e Rubel

Gal Costa regravou duas composições de Caetano Veloso: Baby (1969) e Coração Vagabundo (1967). A releitura das canções foi feita em um show ao vivo de Gal com a participação de Rubel, em 2020. A produção foi lançada pela gravadora Biscoito Fino nas plataformas de streaming. Confira:

Em seu perfil do Instagram em 2020, Rubel relembrou sua trajetória e agradeceu pelo momento: “Eu olho para esse vídeo e penso. Eita. Que cara de pau. Cantar com Gal Costa. Mas ao mesmo tempo eu sei o quanto eu trabalhei, o quanto me dedico todos os dias a fazer o que amo da melhor forma possível”, escreveu. 

“Obrigado Gal Costa pela generosidade, pelo carinho, pela recepção, por me chamar de gatinho. Obrigado Caetano Veloso por escrever essa música e abrir todos os caminhos”, agradeceu Rubel. 

Veja o post completo a seguir:

A equipe de Gal Costa também usou seu Instagram para falar de Rubel. A gestão de mídias da cantora divulgou o webclipe de Coração Vagabundo com Rubel. Ainda, escreveu na legenda “Muito amor!”.

Esse é um dos encontros de gerações da MPB que amamos aqui na Novabrasil. Quer conferir mais como esse? Leia aqui 10 encontros entre gerações na música brasileira.