Se existe um grande nome do MPB e do rock nacional, esse nome é Cássia Eller. A rainha da malandragem, com uma presença de palco única, mas uma timidez visceral em frente às câmeras, conquistou o Brasil com diversos hits e seu sorriso inconfundível. Cássia ficou conhecida também por sua amizade com Nando Reis, outro grande nome da música brasileira.  

Eller faleceu muito jovem, mas deixou um legado musical único, com músicas de sucesso e uma carreira primorosa. Deixou para trás diversas canções inspiradas na artista, que era amada por muitas pessoas. Para os fãs, Cássia é um espírito presente, com músicas atuais e letras potentes. Ela deu voz a uma geração marcada por diversas questões políticas e sociais, além de rebeldia.

Conheça a história de Cássia Eller
Conheça a história de Cássia Eller. | Foto: Reprodução.

Saiba quem foi Cássia Eller para além da fama e relembre sua carreira, seus grandes sucessos e suas amizades. Além disso, não deixe de conferir algumas curiosidades sobre a cantora, compositora e multi-instrumentista mais famosa do rock brasileiro! 

Vida pessoal de Cássia

Por mais que sua fama fosse reconhecida em todo o Brasil, marcada por grandes hits como “Malandragem”, “Relicário”, “O Segundo Sol”, entre tantas outras, Cássia Eller era extremamente discreta em relação a sua vida pessoal. Mesmo assim, quando necessário, ela falava abertamente sobre os detalhes mais importantes, como sua bissexualidade, sua relação com mulheres e, anos mais tarde, sobre maternidade. 

A cantora se relacionou publicamente com poucas pessoas, sendo seus dois casos mais famosos com Tavinho Fialho, seu baixista, e Maria Eugênia, que era declaradamente o grande amor de Cássia Eller. De sua relação com Tavinho, a artista teve um filho, batizado de Francisco Eller Fialho. Segundo a própria cantora, o nome foi uma homenagem à canção homônima de Milton Nascimento, que foi regravada por ela anos depois.  

Em entrevista para a Marie Claire, em 2001, Cássia afirmou que sua gravidez não foi planejada, mas que ela se apaixonou por Tavinho. A relação dos dois, entretanto, não era a mais saudável, isso porque o baixista era casado e Cássia mantinha um relacionamento sério com Maria Eugênia. O pai de Chicão, como era carinhosamente chamado o menino, faleceu uma semana antes de seu nascimento. A morte de Fialho abalou Cássia, mas não a preocupou em relação à criação de seu filho.

Em relação a seu relacionamento com Maria, a gravidez e o nascimento de Francisco as uniram ainda mais. Durante sua entrevista, Cássia afirmou que sua namorada ficou muito animada com a gravidez e que ela seria a segunda mãe de seu filho. Após a morte de Eller, Maria Eugênia ganhou a guarda de Francisco, após um longo embate na justiça. Isso porque o pai de Cássia, Altair Eller, entrou com um pedido de guarda do neto. A família da cantora, entretanto, se pôs contra e ficou ao lado de Maria no Tribunal.

Cássia Eller, Maria Eugênia e Chicão
Cássia Eller, Maria Eugênia e Chicão. | Foto: Arquivo Pessoal.

Após um longo período, a Justiça concedeu a guarda provisória a Maria Eugênia, sendo a primeira vez que uma mulher recebia a guarda provisória do filho de sua companheira. A guarda definitiva veio algum tempo depois, sendo o primeiro caso de guarda concedido à companheira da mãe da criança. 

Além disso, Cássia não deixava de falar sobre uma de suas grandes paixões além da música, o Atlético Mineiro. Torcedora fanática, estava presente em jogos, fazia comentários sobre o time de coração durante os shows e não se deixava abalar pela opinião dos outros. A cantora chegou a ser contatada para receber o Galo de Prata. Eller, contudo, não pegou seu prêmio, uma vez que faleceu antes da entrega. Em 2002, no entanto, Nanci Eller, mãe da artista, recebeu o Galo em seu lugar. 

Cássia Eller faleceu em 29 de dezembro de 2001, aos 39 anos, no auge de sua carreira e vida pessoal. A artista foi vítima de um infarto do miocárdio repentino.

Onde nasceu Cássia Eller?

Cássia Rejane Eller, conhecida popularmente como Cássia Eller, nasceu no Hospital do Exército de Campo Grande, Rio de Janeiro, no dia 10 de dezembro de 1962. 

Infância

Cássia Eller é filha de Nanci Ribeiro, dona de casa, e Altair Eller, sargento paraquedista do Exército Brasileiro. A jovem foi criada em diversos cantos do País, isso porque seu pai era obrigado a se deslocar de quartel em quartel. Sua primeira mudança aconteceu aos 6 anos, quando se mudou para Belo Horizonte. Em seguida, os Eller se mudaram para o Pará e retornaram ao Rio de Janeiro quando Cássia tinha 12 anos.

Foi apenas aos 14 anos que a jovem se interessou por música, quando começou a ouvir Beatles. Na mesma época, ela aprendeu a tocar violão, a falar inglês e vivia cantando em roda de amigos.

Aos 18 anos, ela se mudou para Brasília com sua família e decidiu que iria viver de música. Por isso, começou a cantar em corais da região, fez diversos testes para musicais, cantou em bandas de rock, blues, frevo e até mesmo em um grupo de samba. Toda oportunidade que tinha para cantar a jovem agarrava. 

Aos 19 anos de idade, se mudou sozinha para Belo Horizonte, pois segundo a cantora estava em busca de liberdade. Nesse período, a música se tornou um passatempo, pois Eller teve que trabalhar para se manter na cidade.

Cássia Eller tocando violão
Cássia Eller tocando violão. | Foto: Acervo Deborah Dornellas.

Início da carreira

Cássia Eller era conhecida por sua voz grave e rouca, totalmente diferente de todas as outras cantoras brasileiras. Logo depois, virou a voz de hits como “Malandragem”, sua canção mais famosa, “Relicário”, “O Segundo Sol”, “Palavras ao Vento”, entre outras. A maioria de suas músicas foram escritas por grandes artistas brasileiros, que idealizavam suas letras pensando na voz de Cássia. Ela gravou canções para Cazuza, Renato Russo, Rita Lee e Nando Reis. 

Outros grandes nomes da MPB também compuseram para Cássia Eller, entre os mais famosos estão Caetano Veloso, Marisa Monte, Chico Buarque e Arnaldo Antunes. Além de interpretar grandes músicas de artistas internacionais, como Nirvana, Janis Joplin, Jimi Hendrix, Beatles, John Lennon, entre tantos outros. 

A carreira de Cássia começou bem cedo, mas a jovem só se destacou em 1989, após gravar uma fita demo de “Por Enquanto”, canção de Renato Russo. Graças a essa fita, ela foi contratada pela gravadora PolyGram. Seu primeiro álbum saiu no ano seguinte, intitulado de “Cássia Eller”.

Em 1992, ela lançou seu segundo álbum de estúdio, “O Marginal”. Em 1994, Cássia lançou “Cássia Eller”, terceiro álbum e que levava o nome do primeiro. Seu maior hit foi nessa gravação, “Malandragem”, música inédita de Cazuza. Pela importância do astro, Cássia dedicou seu quarto álbum a ele, gravado em 1997, pouco tempo após sua morte. 

Eller deu um novo sentido à sua carreira após o nascimento de seu filho Francisco. E devido às preferências musicais do jovem, ela optou por gravar canções mais leves e com uma voz mais melódica. E em 1999, em parceria com Nando Reis, Cássia Eller lançou seu quarto álbum chamado “Com Você… Meu Mundo Ficaria Completo”. Seus dois maiores sucessos, “O Segundo Sol” e “Palavras ao Vento”, estavam nele. 

“Com Você… Meu Mundo Ficaria Completo” foi o último álbum de Cássia Eller lançado pela cantora em vida. Em 2002, o álbum “Dez de Dezembro” foi lançado como o primeiro trabalho póstumo da artista. 

Hits & álbuns

Em vida, Cássia Eller lançou 5 álbuns de estúdio, todos elogiados e aclamados pela crítica. São eles:  

  • Cássia Eller (1990); 
  • O Marginal (1992); 
  • Cássia Eller (1994); 
  • Veneno AntiMonotonia (1997); 
  • Com Você… Meu Mundo Ficaria Completo (1999). 

Em 2002, Dez de Dezembro foi lançado pela Universal Music como o primeiro álbum póstumo de Eller. Além disso, a música Flor de Sal, parceria da cantora com Simone Saback, foi lançada em homenagem ao aniversário de 50 anos de Cássia.  

Além dos álbuns de estúdio, Cássia Eller possui alguns álbuns ao vivo, entre eles um Acústico MTV de grande sucesso. Os álbuns ao vivo da cantora são: 

  • Cássia Eller ao Vivo (1996); 
  • Veneno Vivo (1998); 
  • Acústico MTV: Cássia Eller (2001); 
  • Rock in Rio: Cássia Eller ao Vivo (2006); 
  • Do Lado do Avesso (2012); 
  • Todo Veneno Vivo (2019). 

Os principais hits de Cássia Eller são: 

  • O Segundo Sol; 
  • Por Enquanto; 
  • Malandragem; 
  • Palavras ao Vento; 
  • All Star; 
  • Relicário; 
  • 1º de Julho. 

A amizade Cássia, Nando Reis & outros artistas

Uma das amizades mais conhecidas da música brasileira é, sem sombra de dúvidas, a de Cássia Eller e Nando Reis. Os músicos se conheceram na casa de Marisa Monte, amiga em comum dos artistas, pois Nando foi até lá para mostrar algumas de suas canções para Cássia. O cantor, em entrevistas, revelou que estava muito ansioso para conhecer Eller, pois a artista já era reconhecida no meio.

Cássia Eller e Nando Reis
Cássia Eller e Nando Reis. | Foto: Reprodução/Acústico MTV.

Quando chegou na casa, Cássia Eller apenas cumprimentou Nando Reis, pediu para que ele mostrasse suas músicas, levantou-se e foi embora. A artista, que era muito tímida, pouco falou no encontro e nem se despediu do músico. A partir desse dia, os dois se tornaram grandes amigos e não deixaram nunca de colaborar. 

A amizade de Nando e Cássia era tão forte que resultou em uma canção, “All Star”, que fala sobre essa amizade estranha, mas deliciosa. Nando Reis chegou a dizer que Cássia Eller foi o grande amor de sua vida, mas deixou claro que esse amor era fraternal e que ele e a artista nunca tiveram nada romântico. 

Além de Nando, Cássia era muito amiga de Marisa Monte, Zélia Duncan, Lan Lahn, entre tantos outros artistas. Além disso, chegou a se corresponder por um tempo com Renato Russo, a quem admirava no trabalho. 

Curiosidades

Agora que já sabe tudo sobre a vida e carreira de Cássia Eller, confira algumas curiosidades sobre a artista: 

  • Cássia Eller lançou diversos sucessos, mas sua carreira durou apenas 11 anos, um tempo muito curto perto de outros artistas com o mesmo número de álbuns; 
  • Mesmo sem saber, Eller se tornou um dos rostos da comunidade LGBTQIA+; 
  • Em 2001, Cássia Eller realizou um dos maiores covers da história da música, cantando Smells Like Teen Spirit, do Nirvana. Sua apresentação foi tão boa que chegou a ser elogiada por Dave Grohl, ex-baterista da banda norte-americana; 
  • Ao contrário do que muitos pensam, inclusive Nando Reis, Cássia Eller nunca morou em Laranjeiras, no Rio de Janeiro. Em entrevista, a cantora declarou que morava em Cosme Velho, bairro próximo ao Laranjeiras; 
  • Seu maior sucesso, “Malandragem”, foi composta por Cazuza para a cantora Ângela Rô Rô. A cantora, no entanto, não quis gravar a música, porque segundo ela, não tinha nada a ver com seu estilo; 
  • As músicas de Cássia Eller já estiveram presentes em 15 novelas da Rede Globo; 
  • Seu álbum mais vendido é o Acústico MTV. 

Agora que já sabe tudo sobre Cássia Eller, que tal ouvir os maiores sucessos da cantora e celebrar esse ícone da música brasileira? Amanhã, 12h, temos mais você confere os 5 maiores sucessos de Cássia Eller aqui, no Foras de Série.