O Dia Mundial do Rock

Dia 13 de julho, é celebrado – no Brasil – o Dia Mundial do Rock. Em comemoração, a Novabrasil lançou essa semana a temporada especial do Acervo MPB em homenagem aos artistas do rock brasileiro! Para conferir o podcast e ainda uma playlist especial sobre o tema, leia o texto até o final.

A data foi instituída por aqui quando – neste mesmo dia, no ano de 1985 – aconteceu o Live Aid: um festival beneficente histórico, que reuniu os maiores nomes do rock mundial para arrecadar fundos para a situação da fome no continente africano.

Entre os artistas estavam: Queen, Paul McCartney, U2, The Who, Elton John, Black Sabbath, Eric Clapton, Mick Jagger, Led Zeppelin e muitos outros.

Foram duas apresentações em estádios de Londres e da Filadélfia, para públicos de mais 80 mil pessoas, além de uma das maiores transmissões em larga escala por satélite e de televisão de todos os tempos, com quase dois bilhões de espectadores. 

O surgimento do Rock

O Rock’n’roll surgiu nos Estados Unidos, no final dos anos 40 e início dos anos 50, com influências de outros estilos norte-americanos como blues, R&B, gospel, jazz, country e folk e teve a introdução da guitarra elétrica como principal instrumento do gênero.

O estilo se popularizou e tornou-se um sucesso comercial em 1956, com Elvis Presley – conhecido como o Pai do Rock and Roll – e rapidamente se espalhou para o resto do mundo.

Logo, o Rock tornou-se muito mais do que um gênero musical, mas um estilo de vida, trazendo transformações na moda, nas atitudes e na linguagem de toda uma geração.

Rock no Brasil

No Brasil, Roberto Carlos e Erasmo Carlos foram muito influenciados por Elvis Presley e Little Richards e não demorou muito para a turma da Jovem Guarda – com seu rock’n roll nacional – transformar a música brasileira para sempre, em meados dos anos 60.

Nesta mesma época, Jorge Ben Jor e Tim Maia também trouxeram muito das influências do rock’n’roll para as suas canções. Fora dos Estados Unidos, já surgiam também nesta mesma época, os ingleses The Beatles e The Rolling Stones.

Em 1970, o Movimento Tropicalista – de Gil, Caetano, Gal, Os Mutantes, Tom Zé e outros artistas – surgiu sob a influência das correntes artísticas da cultura pop nacional e estrangeira, e misturava o rock (muito influenciados pelos Beatles, Jimi Hendrix e Janis Joplin) às manifestações tradicionais da cultura brasileira, com inovações estéticas radicais – como a guitarra elétrica – que influenciaram uma geração de artistas que vieram depois.

Também em 70, o rock ́n roll na Bahia ganhava cada vez mais espaço, com o pai do rock brasileiro, nosso eterno maluco beleza: Raul Seixas. Nesta mesma época, também ganhávamos a nossa rainha do rock, que saía dos “Mutantes” para tornar-se a grande, pioneira, revolucionária e roqueira Rita Lee.

Também na Bahia, os Novos Baianos misturavam o rock, sua primeira influência, com ritmos bem brasileiros como a bossa nova e o samba.

Depois disso tudo, o Rock’n Roll torna-se cada vez mais presente na nossa música popular brasileira.

Dos anos 80 até os dias atuais

Nos anos 80, vieram as grandes bandas, que uniam o rock e o pop nacional, como Titãs, Paralamas, Capital Inicial, Legião Urbana, Barão Vermelho de Cazuza e Frejat, Kid Abelha, Engenheiros do Hawaí e Plebe Rude. Também 1980 nos brindou com a chegada de Lulu Santos nas paradas de sucesso.

Em 1990, temos Chico Science e a Nação Zumbi, Camisa de Vênus, Raimundos, O Rappa, Pato Fu, Skank, Charlie Brown Jr., todos trazendo influências do rock em seus trabalhos. 

O fim dos anos 90 também nos brinda com novas mulheres no rock, como Cássia Eller. Antes dela, surgiram grandes musas representantes do nosso rock brasileiro, como Zélia Duncan, nos anos 90, e Ângela Ro Ro e Marina Lima, nos anos 80.

Depois – já nos anos 2000 – o Brasil conhecia a roqueira baiana Pitty e, um pouco antes, os meninos dos Los Hermanos. Os anos 2000 também trouxeram bandas como NX Zero, Fresno e CPM 22.

Nos últimos anos, outros artistas vêm surgindo no cenário cheio de influências rock da nossa MPB, como Karina Buhr, Letrux e Ana Cañas.

Acervo MPB com temporada rock, bebê!

Em homenagem à data de hoje e a esse estilo musical tão importante, nós anunciamos a estreia da nova temporada do nosso Acervo MPB, que trará áudio biografias de artistas brasileiros que incluíram o Rock’n Roll em seus trabalhos dentro da MPB. Clique aqui para acessar!

Nessa temporada especial, você confere a história de artistas, como:

  • Jovem Guarda;
  • Legião Urbana;
  • Cassia Eller;
  • Paralamas do Sucesso;
  • Skank, Cazuza;
  • Kid Abelha;
  • Lulu Santos;
  • Raul Seixa;
  • Marina Lima
  • Pato Fu;
  • E a grande Rita Lee.

Também preparamos uma playlist especial Dia do Rock pra vocês: O Rock’n Roll na MPB, uma passagem pelo tempo.

  Aproveitem!